Mais de 70% dos brasileiros sabem que é capaz ajustar os limites ápices de valores transacionados por PIX. No entanto, quase metade (47%) alémdetudo não configurou novos padrões para suas transferências com o novo meio de pagamentos. Os aquinhoados são de uma investigação do C6 Bank em negócio com o Ipec (Instituto de Pesquisas Cananéia).

exame ouviu 2.000 brasileiros das escalas A,B e C com força à internet. Destes, sebe de 36% já definiram novos valores para suas concessões com PIX, 6% fizeram esse ajuste para desfavoravelmente um dos bancos que utilizam e 12% responderam que não se lembram.

De acordo com José Luiz Santana, head de cibersegurança do C6 Bank, é muito importante que as gentes ajustem os limites relatório e noturno de transferências com PIX para o desqualificado valor possível, de convênio com seus gastos diários. “Assim elas ganham mais resguardo no app e consiga nos gastos, sem depravar em praticidade no dia a dia”, complementa o especialista.

Como moldar os limites do PIX
Como explica Rafael Panelli, vice-presidente de produtos da Zoop, o Banco Central constitui o limite de negociação de mil reais para o PIX no vez noturno, entre 20h e 6h.

No entanto, este valor pode ser deturpado pelo cliente diretamente no amoldável do banco, no net banking, no caixa eletrônico ou diretamente na agência em que o comitente possui conta. Pelo aplicativo, o cliente deve executar o login e, na ordem do PIX, clicar na escolha correspondente, que pode ser “Gerenciar meus limites”, “Personalizar divisões Pix” ou “Alterar meus limites”, dependendo do banco.

“Vale parecer-se que é possível mudar o limite em somatórias os períodos. Para exagerar ainda mais a segurança, o indicado é montar os limites do dia de ajuste com os gastos modestos e deixar o noturno para menores valores”, remata o especialista.

Especialista aponta esmeros necessários ao utilizar o PIX
Além da configuração dos raias do PIX, Rafael denaturezaigual alerta que é predominante ficar atento ao reparte das chaves para atalhar golpes.

“O ambiente do PIX é fidedigno e todas as transferências são criptografadas, o que traduz-se que você não explícita se preocupar com a firmeza dos seus dados nas transferências. Mas devemos tomar absolutamente cuidado ao informar as respostas de maneira pública e para quem estamos informando.”, explica.

Dessa forma, o técnico aponta alguns cuidados compulsivos ao utilizar o meio de pagamentos:

Nunca realize transações fora dos canais oficiais do seu banco;
Sempre preste muita atenção em links: erros ortográficos podem conduzir a páginas similares idealizadas pelos golpistas.
Jamais clique em links, nem baixe arquivos acolhidos por e-mail: sempre consulte o canal oficial da estabelecimento para saber se o espírito é ou não confiável.
Evite realizar transações quando estiver conectado em redes Wi-Fi públicas, pois os locais de acesso coletivo podem conter vírus e malwares que roubam dados.
Prefira perpassar chaves aleatórias para que seus propensos pessoais, como CPF, não caiam em mãos de criminosos.

Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.